Blog Ilton Muller

Prefeitura compra o Hospital Arcanjo São Miguel

Valor da entrada já pago teve origem no Fundo Verde

Depois de 7 anos de intervenção e uma negociação frustrada com uma empresa privada, o Hospital Arcanjo São Miguel foi adquirido pela Prefeitura de Gramado. O termo de desapropriação e compra da casa de saúde ocorreu na noite de terça-feira em cerimônia no auditório do Expogramado 

Além da assinatura, também foi realizada a entrega de um cheque simbólico para a Associação Franciscana de Assistência a Saúde (Sefas) com o pagamento da primeira parcela da compra do Hospital, no valor de R$ 6 milhões. A Prefeitura de Gramado ainda pagará 11 parcelas de R$ 2.212.181,81, a partir de janeiro de 2024.

O ato histórico foi realizado após uma Audiência Pública em que a própria comunidade votou pela compra do Hospital no dia 03 de outubro de 2023. "O resultado daquela audiência nos trouxe aqui, depois de 27 dias, para esse momento histórico e ímpar para nossa cidade", afirmou a procuradora-geral de Gramado, Mariana Melara Reis.

O prefeito Nestor Tissot disse que o exemplo dado pelas religiosas do Imaculado Coração de Maria e pela Sefas durante os 76 anos de história do Arcanjo São Miguel, servirão eternamente. "Muitos prefeitos não querem essa responsabilidade, mas durante os sete anos de intervenção acompanhamos de perto e estudamos o Hospital, principalmente nos últimos dois anos, e vimos que o caminho da compra era possível e era importante para nossa população", destacou o chefe do executivo.

 

Como vai ser pago

Para concluir o pagamento da instituição, o Executivo já pensa em ações como a incrementação do Cartão Amigo São Miguel e projetos de atividades comunitárias em prol do hospital. Também deverá ser feita uma rifa cujo prêmio será um veículo da Kia, doado pela empresa como patrocínio ao 51º Festival de Cinema. "tenho certeza que faremos uma saúde ainda melhor para as pessoas que vivem aqui e para os quem vem nos visitar", concluiu o prefeito.

 

Entrada paga com recurso do Fundo Verde

O valor da entrada já pago pela Prefeitura tem origem no Fundo Verde - Fundo Municipal Para Preservação Ambiental – o Fundo Verde, que tem a finalidade de aquisição de áreas destinadas à preservação ambiental, e outros investimentos urbanos e rurais. O uso desse recurso (sob forma de empréstimo) foi aprovado da sessão da Câmara de Vereadores de segunda-feira. O valor é de R$ 5 milhões. A amortização dos valores deverá ocorrer a partir de março de 2025, segundo o PLO, em até 10 prestações mensais e consecutivas.

 

Presenças

Participaram do ato de assinatura o prefeito Nestor Tissot, o vice-prefeito Luia Barbacovi, o presidente da Câmara de Vereadores Celso Fioreze, o secretário da Saúde Jeferson Moschen, o interventor do Hospital Carlos Gober Libardi, a procuradora-geral de Gramado Mariana Melara Reis, o promotor Max Guazelli, a promotora Natália Cagliali e a juíza Graziella Casaril.

 

 

 

Crédito: Ascom/PMG

 

Tags:Hospital é de Gramado

Confira outros posts

Abertas inscrições para curso de artesanato com porongos
7ª Conferência Municipal de Cultura será nos dias 14 e 16 de outubro
Semana Farroupilha terá shows gratuitos, homenagens e cavalgada

Cadastre o seu e-mail para receber nossas notícias e novidades!