Blog Ilton Muller

Novo concessionário deve investir mais em obras

Prefeitos Nestor e Constantino afirmam que segurança para motoristas e pedestres deve ser priorizado

Privado ou público, o novo concessionário das estradas do Polo Regional das Hortênsias deve garantir investimentos em melhorias nas estradas da região, destacam os prefeitos de Gramado, Nestor Tissot, e Canela, Constantino Orsolin. O Governo do Estado já antecipou que pretende retirar da EGR – Empresa Gaúcha de Rodovias a concessão das rodovias estaduais. Entre elas as estradas RS-115 (Taquara-Gramado), RS-235 (Nova Petrópolis-São Francisco), RS-020 (São Francisco de Paula) e RS-466 (estrada do Caracol), que integram três praças de pedágio.
Confira a opinião dos dois prefeitos sobre o futuro do polo rodoviário:

As estradas pedagiadas devem continuar sendo concedidas à EGR ou outra empresa? Por quê?
Constantino Orsolin - As estradas precisam atender os anseios e as demandas dos usuários e das comunidades que estão diretamente ligadas a elas, independente de qual órgão, empresa ou instituição seja responsável pela administração. Caso o Estado opte por conceder à outra empresa, o edital deve corresponder aos interesses da população pensando em questões como valor do pedágio, manutenção das rodovias, entre outras.

Nestor Tissot - Sabemos que nossas rodovias já viveram o augue, principalmente quando eram administradas pela Brita Rodovias. Gramado é rodeada por três praças de pedágios, São Francisco de Paula, Três Coroas e Nova Petrópolis, e mesmo com toda a arrecadação, muito pouco é reinvestido no município.

E que obras devem ser priorizadas, seja pela EGR ou pela nova concessionária?
Constantino Orsolin - Como prefeito de Canela e presidente da Amserra, destaco algumas obras importantes para o nosso município e para melhorar a infraestrutura e a mobilidade urbana da região: duplicação das estradas Canelinha/Saiqui e Nova Petrópolis\Gramado (RS-235), pavimentação da estrada entre Santa Maria do Herval e Gramado e a pavimentação do trecho entre São Francisco de Paula e Várzea do Cedro, conhecido como Estrada do Meio (ERS-110). Também reivindicamos lombadas eletrônicas em pontos da RS-235 como próximo ao Oásis, outra no novo Centro Esportivo e uma no Jardim das Fontes, em Canela. Além disso, são necessários estudos para a viabilidade de ciclovias na região tendo em vista o crescimento de adeptos deste esporte e os reflexos positivos que isso gera para mobilidade.      

Nestor Tissot - Já realizamos algumas audiências com representantes da EGR solicitando algumas melhorias nos acessos ao município, mas ficou muito claro que as demandas serão postas nas propostas de privatização. Inclusive em um dos encontros apelamos para a construção de mecanismos de proteção aos pedestres no trecho que compreende o bairro Jardim, Três Pinheiros e Várzea Grande, locais de incidências de acidentes e até mortes. Como gestores públicos queremos o melhor para nossa comunidade seja com uma empresa pública ou privada.

Tags:Estradas

Confira outros posts

Gramado vacina idosos com 60 anos ou mais na tarde desta segunda-feira, no ExpoGramado
Corrida Movimenta Gramado pela Inclusão encerra Semana da Pessoa com Deficiência
Gramado Film Commission começa a ser desenvolvida

Cadastre o seu e-mail para receber nossas notícias e novidades!