Blog Ilton Muller

Com 261 artistas, Miniarte Vida bate recorde de inscrições

Exposições estão programadas para Gramado e Porto Alegre, além de um catálogo virtual

Um número recorde de artistas visuais - 261 – se inscreveu para participar da Miniarte Internacional deste ano, cujo tema é Vida. Além de brasileiros, artistas de países como Argentina, Chile, Colômbia, Cuba, Venezuela, Espanha, Estados Unidos, França, México, Nova Zelândia e Taiwan terão suas obras expostas no projeto criado no Estado em 2003.

Já estão agendadas duas exposições da Miniarte Vida: em Gramado, no Centro Municipal de Cultura, de 4 de setembro a 10 de outubro, e em Porto Alegre, na Gravura Galeria, de 4 a 26 de novembro, observando as orientações sanitárias. A produção coletiva dos artistas resultará também, como sempre acontece, em um catálogo virtual que é disponibilizado no site da Miniarte (www.miniartex.org).

A criadora e coordenadora-geral da Miniarte, a artista visual e gestora cultural gaúcha Clara Pechansky, avalia que o público "terá oportunidade de comparar tendências, já que as obras expostas sempre refletem o presente e cada artista busca enviar aquilo que produz de mais atual, mais significativo e com a melhor qualidade técnica".

O objetivo da iniciativa, segundo Clara, é apresentar um panorama das artes visuais de diferentes regiões do mundo. "As obras (apresentadas em tamanho 14,5 x 14,5cm) são expostas em ordem alfabética, permitindo a conexão de uma diversidade de influências culturais sem que se perca a individualidade de cada artista", diz ela.

Entre os artistas brasileiros da mostra, estão nomes conhecidos como, por exemplo, Alfredo Nicolaiewsky, Britto Velho, Zoravia Bettiol, Flávio Wild, Glorinha Corbetta, Liana Timm, Miriam Tolpolar, Bernardete Conte, Claudia Stern, Cylene Dallegrave e Graça Craidy, além da própria Clara Pechansky.

Já entre os estrangeiros, aparecem nomes consagrados como Ernesto Ríos Rocha, Jorge Luiz Hurtado Reyes e Clemente Perez Gaxiola (México), Jorge Torres e Mauricio Mayorga (Colômbia), Bruce Buckley e Paula Goldstein (Estados Unidos), Dale Copeland e Paul Hutchinson (Nova Zelândia) e Linda de Sousa e Juan Jiménez (Espanha), entre outros.

 

Como funciona

Coordenadores nacionais e estrangeiros são responsáveis por reunir um grupo de artistas que representa um ou mais países. São coordenadores nacionais as artistas Juliane Mai, Mara Galvani, Marcia Marostega, Rita Gil e Zoravia Bettiol; e internacionais, Andrea Beatriz Garcia e Carolina Villa (Grupo Patagônia Argentina), Clemente Pérez Gaxiola (México), Josefina Suarez (Chile), Jorge Luis Hurtado (Arte México Internacional), Linda de Sousa (Portugal/Espanha) e Marise Zimmermann (Estados Unidos).

Além dos grupos liderados por artistas, a Miniarte recebe participantes independentes, formando um leque de visões e expressões diversificadas sobre o tema Vida. Os visitantes das exposições terão oportunidade de observar, mesmo em pequenos formatos, como é rico e colorido o panorama atual da arte no mundo.

 

Fotos: Divulgação Miniarte

Arte do escultor Anddré Sartori

Obra de Cláudia Kellermann (Recicláudia)

 

Tags:Mostra internacional

Confira outros posts

UCS Hortênsias coloca 104 novos profissionais no mercado
Prefeitos de Gramado e Canela opinam sobre a privatização
Prazo para moradores de Gramado solicitarem a isenção do IPTU vai até 30 de outubro

Cadastre o seu e-mail para receber nossas notícias e novidades!